Doenças da retina quais são, causas e tratamentos

Doenças da retina: quais são, causas e tratamentos

Um dos principais sentidos do ser humano é a visão. É através dos olhos que captamos as imagens. A retina é uma camada fina de tecido que se encontra atrás do olho, tendo o poder de registrar, decodificar e enviar ao cérebro o que estamos vendo. A retina é a grande responsável pela nossa visão e por isso, é preciso cuidar muito bem dos olhos e estar atento aos sinais de alerta. Caso haja um diagnóstico de alguma doença que afete esse local, é muito importante seguir todo o tratamento recomendado pelo oftalmologista.

Doenças graves que pode atingir sua retina

Descolamento da retina

Esse caso ocorre quando a retina se desloca de sua posição natural, devido a algum trauma sofrido. Na maioria das situações, os sintomas são flashes luminosos, visão embaçada, perda temporária da visão em um olho ou surgimento de manchas escuras. É uma situação que precisa ser verificada de maneira urgente pelo oftalmologista, para que o tratamento seja iniciado imediatamente. Caso o paciente não tenha os devidos cuidados, pode ocorrer a perda permanente da visão.

Tratamento: O tratamento para este caso de descolamento de retina, é sempre cirúrgico. O tipo de cirurgia depende do tipo de deslocamento. Os procedimentos cirúrgicos mais utilizados são:

  • Fotocoagulação a laser, criopexia;
  • Indentação escleral;
  • Retinopexia;

Retinopatia diabética

Quando o nível de glicemia no sangue não é controlado de maneira adequada, os pacientes que possuem diabetes tendem a desenvolver problemas mais sérios de visão. A Diabetes é uma doença que causa diversas alterações no organismo e quando atinge a retina, ocasiona hemorragias que podem culminar na perda de visão ou até mesmo no seu deslocamento.

Tratamento: O melhor tratamento a se fazer no caso de retinopatia diabética, é controlar as taxas de glicose no sangue. Isso reduz de maneira significativa o risco de perder a visão com o passar do tempo. O tratamento depende da fase em que a doença se encontra. A cirurgia a laser é um procedimento que pode ser feito neste caso, porém, essa cirurgia não cura a retinopatia diabética. Durante o processo, um colírio ou uma injeção de anestésico é aplicada junto ao olho e em seguida são feitas queimaduras a laser nas áreas da retina,  que ocasionam o secamento dos vasos sanguíneos anormais. Até duas ou mais sessões são necessárias para finalizar o tratamento.

Degeneração macular relacionada à idade

O avanço da idade pode afetar a mácula, causando a perda progressiva da visão central. A mácula é uma pequena região que se encontra no centro da retina e permite que as pessoas vejam todos os detalhes possíveis. A perda da visão central nessa doença, ocorre quando as células fotorreceptoras na mácula são degeneradas.

Tratamento: O tratamento dessa doença vai depender do estágio em que ela se encontra, podendo ser feito através de cirurgia, medicamentos e uso de óculos ou lentes adequadas.

Retinopatia hipertensiva

Essa doença acontece na retina devido ao aumento da pressão arterial. Com o aumento da pressão, os vasos da retina acabam tendo um aumento muito expressivo, o que atrapalha o fluxo de sangue na região. A retinopatia hipertensiva pode se desenvolver nos pacientes devido a alguns fatores de risco, como hipertensão, fatores de hereditariedade e até mesmo o diabetes. Além disso, essa doença pode ser silenciosa, há pacientes que não apresentam nenhum sintoma. Agora, quando o grau da doença já está avançado, os sintomas podem surgir, como dores de cabeças frequentes, sensibilidade à luz e visão embaçada.

Tratamento: Para fazer o tratamento dessa doença, é necessário fazer todo o controle da pressão arterial de maneira eficaz, para que não haja lesões mais graves e irreversíveis.

As principais causas das doenças de retina

Diabetes

Uma das causas mais  comuns de doença de retina é a diabetes, sendo também uma das principais doenças que afetam a visão. Como falamos mais acima, retinopatia diabética ocorre quando a glicose está muito alta, afetando os vasos sanguíneos dos olhos. Portanto, se você possui diabetes, é necessário cuidar de maneira correta da doença, para que não haja consequências mais graves.

Alimentação inadequada

Uma alimentação inapropriada pode ocasionar muitos problemas de saúde, inclusive para a saúde dos olhos. O excesso de açúcar, gorduras e frituras podem ocasionar doenças, que se não forem tratadas como devem, podem afetar a retina. A falta de alimentos ricos em vitaminas pode também ser prejudicial. Então, é muito importante ter uma alimentação balanceada e saudável, contribuindo para o seu bem-estar de seus olhos.

Obstrução dos vasos e artérias

Para quem possui doenças como hipertensão arterial, diabetes ou doenças do sangue, é muito comum que essa obstrução aconteça. O entupimento de vasos da retina causa hemorragia, fazendo com que a capacidade de enxergar com mais nitidez seja diminuída. Essa situação pode gerar até mesmo problemas mais graves como glaucoma neovascular e edema macular.

Envelhecimento

Idosos e pessoas mais velhas têm ainda mais chances de desenvolverem doenças na retina. Por exemplo, a Degeneração Macular Relacionada à idade, a qual foi citada acima, atinge pessoas a partir de 50 anos.

Sol em excesso

Muitos não sabem, mas se expor ao sol de maneira exagerada pode queimar a retina. É o que acontece quando os olhos ficam vermelhos e irritados depois de um dia inteiro na praia ou piscina. Isso significa que houve uma queimadura na região. Portanto, a melhor maneira para prevenir doenças na retina, é se proteger bem. Ou seja, utilizar óculos de sol, com proteção contra raios UVA E UVB, chapéus também são uma boa opção de proteção.

Agora que você já conhece as doenças da retina, mantenha sempre sua saúde ocular em dia. Procure um oftalmologista e realize os exames de rotina.

 

 

Deixe um comentário